Journal : Eu, meu avô, meu nome e meu outro


certidao

Meu avô costumava me dizer que tudo o que nós temos nessa vida é o nosso nome. Tudo bem que ele também sempre me contava sobre algum desconhecido que tinha mudado para São Paulo e que se eu o visse pela rua, devia mandar um abraço; o que mostra como o mundo era pequeno para o meu avô. Ele me veio a mente por duas histórias engraçadas, a primeira é ter batizado cada um de seus filhos com um sobrenome. Coube ao meu pai herdar o nome e sobrenome do meu bisavô e se tornar Antônio Guerra, foi esse sobrenome que adotei como escritor. O segundo foi por descobrir recentemente que existe por ai outro Diego Guerra, que também é escritor. Meu avô teria dificuldade em entender que meu nome também não é meu, mas certamente mandaria um abraço para esse homônimo, caso eu o visse na rua.

Encontrar um homônimo não é tão incomum quando deveria. Certamente deveria ser raro no tempo do meu avô, mas é algo que acontece. Existe, pelo que eu sei, pelo menos outro Diego Guerra, que é cantor sertanejo e eu posso garantir que tenho a afinação de um burro zurrando por capim. No caso do primeiro Diego Guerra, porém, a coisa é um pouco mais complicada. Somos ambos escritores, estaremos sempre enfileirados nas estantes das livrarias, listas bibliográficas, sites de internet, apesar de sermos obviamente pessoas distintas. Esse novo Diego Guerra que não sou eu, é um autor de poesia, um ramo que admiro mas confesso minha completa ignorância e absoluta inabilidade.

Em um mundo ideal, uma editora jamais permitira uma coisa parecida e aconselharia o autor mais recente a usar outro sobrenome ou a acrescentar uma letra que o diferenciasse no sistema de buscas, mas nós sabemos que o mundo não é ideal, o que nos resta é nos adaptar. Esse texto sou eu me adaptando. Com dois romances publicados, domínios comprados, entrevistas dadas, tentar trocar de meu nome seria aumentar ainda mais a confusão. Tudo o que me resta, então é esse singelo aviso aos leitores de que existe um outro eu por ai que não sou eu e pedir ao público paciência pela confusão, até que ela se resolva.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s